Os casados são mais saudáveis

casadosPor mais que os relacionamentos sejam desafiadores, especialmente os mais longos, casar ainda é o melhor negócio. Pesquisadores da University College London (UCL), no Reino Unido, após estudos realizados com 812 mil pessoas, chegaram à conclusão de que viúvos e solteiros têm mais chance de desenvolver demência do que casados.
Pois é, a vida a dois pode contribuir para hábitos de vida mais saudáveis, além de ampliação da convivência social. “Os cônjuges podem ajudar a incentivar hábitos saudáveis, cuidar da saúde dos parceiros e dar um apoio social importante”, avalia a pesquisadora Laura Phipps, do Alzheimer’s Research UK.
Mas se você não se casou (ainda), aí vai a dica: a prevenção da demência em pessoas que não são casadas deve “se concentrar na educação (estudo, aprendizado) e na saúde física, considerando o possível efeito da interação social como um fator de risco modificável”, orienta Phipps. “Permanecer física, mental e socialmente ativo é um aspecto importante do estilo de vida saudável e essas são coisas que todo mundo, independentemente do estado civil, pode conseguir”, conclui a pesquisadora.

Saiba mais sobre o tema:

Relacionamento: problemas financeiros com o casal

Você também pode gostar de:

Verão, saúde
Janeiro Branco
mais